iecc – memórias – CLIV – Saiu no Estadão em janeiro de 1911.

05/01/1911 no jornal O Estado de São Paulo:

Novo anúncio propondo aulas de preparação para os candidatos às vagas da Escola Normal da Capital.

O « cursinho », já citado, encontrava-se na rua Conselhero Nébias, 85.

O sr. Leovigildo Martins, um dos professores normalistas enviados em comissão ao Estado do Mato Grosso, foi nomeado diretor da Escola Normal de Cuiabá.

10 e 15/01/1911

Escola Caetano de Campos 1895-1908(in: SEESP)

Escola Normal da Capital de São Paulo

Por disposição transitória da lei do orçamentomandada executar pelo cidadão dr. secretário do interior e de ordem do dr diretor desta Escola, faço pública que se acha aberta uma nova inscrição para exames de suficiência para o preenchimento de alguns lugares vagos no 1° ano do curso masculno secundário desta escola. A inscrição durará de 16 a 18 de janeiro, começando os exames dia 20 do mesmo mes.

Será admitido a inscrever-se quem requerer ao sr. diretor nos termos do Regulamento, provado por certidões atestando ou documentos equivalents, com firmas reconhecidas por tabelião, os requisitos seguintes :

1° – Idade legal de 15 anos ;

2° – Moralidade ;

3° – Ter sido vacinado ou afetado de varíola ;

4° – Não padecer moléstia contagiosa ou repugnante, nem ter defeito físico incompatível com o magistério ;

5° – Licença do pai ou tutor, sendo menor.

Esta nova inscrição é permitida aos candidatos reprovados no exame que teve lugar em dezembro próximo passado, servindo para este fim os documentos existentes nesta Secretaria.

Quaisquer que sejam as notas obtidas neste segundo exame, ficam garantidas as colocações obtidas pelos candidatos aprovados no primeiro exame.

Secretaria  da Escola Normal de São Paulo, 9 de janeiro de 1911. O secretário Francisco Eugênio de Toledo.

No mesmo dia :

10 e 15/01/1911

Escola Normal da Capital de São Paulo

Por disposição transitória da lei do orçamentomandada executar pelo cidadão dr. secretário do interior e de ordem do dr diretor desta Escola, faço público para o conhecimento dos interessados,  que se acham abertas as matrículas para o curso secundário.

Como determina o regulamento, devem os candidatos à matrícula em quaisquer dos anos do curso, instruir sua petição  ao diretor com a certidão de aprovação em exames de suficiência para o primeiro ano e com a certidão de aprovação em ano imediatamenbte inferior para o ano subsequente.

A matrícula para o primeiro ano do curso complementar se efetuará de acordo com a lei n° 861,  de 12 de dezembro de 1902 e aviso do governo de 10 de fevereiro de 1905 e 14 de dezembro de 1905. Assim, os candidatos ficam sujeitos a concurso sobre todo o programa do curso preliminar, sendo escolhidos dentre os aprovados os que alcançarem as melhores notas  até completar-se a lotação de cada seção,  oitenta por cento das vagas serão preenchidas por alunos diplomados por escolas públicas preliminares, e vinte por cento por alunos de outro qualquer estabelecimento de ensino. Os primeiros devem instruir  seu requerimento de inscriçéao ao concurso com os seguintes documentos :

a)      Certidão de idade ;

b)      Atestado de vacina ;

c)       Certidão de aprovação no curso preliminar.

Os segundos ficam dispensados do requisite da letra c).

O prazo para as inscrições começa 16 e terminas aos 18 de janeiro , começando os exames aos 20 do mesmo.

Para as matrículas nos outros anos do curso complementar, os alunos deverão apresentar os respectivos boletins de promoção, com as indicações neles solicitadas, sob pena de perda do lugar.

Para a matrícula no curso secundário e complementar, os candidatos devem exibir na secretaria da Escola a certidão de terem pago  a taxa em vigor, com relação, porém, aos candidatos que tiveram que preencher a lotação do primeiro ano, as respectivas taxas só lhes serão exigidas depois de admitidos à matrícula.

Igualmente são obrigados a apresentar no prazo entre 25 e 30 de janeiro seus boletins de promoção, os alunos da Escola Modelo Caetano de Campos, Modelo Isolada e os provindos do Jardim da Infância sob a mesma pena acima, se não o fizerem.

Para as matrículas no Jardim da Infância, os candidatos devem, dentro do prazo arcado, vir à escolar acompanhados de seus respectivos pais, ou quem suas vezes faça, munidos de atestados de vacina e certidão de idade, habilitando-se dese modo ao sorteio para o preenchimento das vagas.Os promovidos para os feriados expressivos entregarão seus boletins dentro dos cinco dias citados. As aulas do curso secundário, Escola Anexa, Jardim da Infância e Modelo Isolada, no Largo do Arouche, serão reabertas dia 1° de fevereiro.

Secretaria  da Escola Normal de São Paulo, 9 de janeiro de 1911. O secretário Francisco Eugênio de Toledo.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s