iecc-memórias – CCXXVI – 1913 – Excedentes nos exames de entrada à Escola Normal da Capital.

05/12/13 (OESP)

O sr Oscar Thompson, diretor da ENC, dirigiu ontem um ofício, nestes termos, ao sr. dr. Altino Arantes, Secretário do Interior :

 

“Tenho a honra de comunicar-lhe que o resultado dos exames de suficiência realizados neste estabelecimento, do 20 ao 28 do próximo passado, foi o seguinte:

Seção masculine: candidatos inscritos 44; aprovados 26, reprovados 28(Nota minha: há um erro de contabilidade na publicação)

Seção feminina : candidatas inscritas : 233 ; (re)provadas 126.

Havendo 35 vagas na seção masculina, todos os candidatos aprovados serão matriculados. O mesmo não ocorrerá com as candidatas aprovadas pois para o prennchimento de 35 vagas (onde) há 102 aprovadas. 

De acordo com as disposições regulamentares, 67 alunas aprovadas não serão contempladas com a matrícula para 1914. Nem o governo poderá ordenar, como em anos anteriores, a instalação de classes extraordinárias para a carência de salas de aula. De fato, todas as salas deste estabeleciente, inclusive a sala de espera, Salão Nobre e Salão do Jardim da Infância ainda serão ocupados nos próximo anos pelas classes extraordinárias, o que traz constantemente, perturbação à boa marcha do ensino.

O curso Secundário da Escola em 1914 constará de 18 classes.

Quanto à EN Primária, cumpre-me informar-vos que continuará também a funcionar em três períodos : o da manhã, o da tarde e o da noite com 17 classes.

Nas duas classes de primeiro ano foram reprovadas 28 alunas que deverão constituir o 1° ano em 1914. Neste número não foram computadas as alunas dependentes de exames de segunda época, que são em número de 28. É natural que cresça consideravelmente com os alunos que não conseguirem aprovação nos exames que devem prestar.

Os alunos promovidos constituirão uma classe de 2° ano e por isso em 1914, não haverá possibilidade para a criação de uma classe de primeiro ano.

Assim, pois, peço licença para abrir inscrição para exames de suficiência  em janeiro próximo, unicamente para a seção masculina.

Atenciosamente, saudações.

  • Oscar Thompson

06/12/13(OESP)

(RESUMO)

Câmara Legislativa – Sessão do dia 05 de dezembro de 1913.

Presiência do dr. Carlos de Campos.

13horas

Abordads vários textos sobre o orçamento.do Estado.

No final da sessão tomou a palavra o sr. dr. Antonio Mercado para comentar o ofício enviado pelo director da ENC, o dr. Oscar Thompsosn ao chefe da  pasta do Interior sobre a situação do preenchimento das vagas na escolar.(Ver acima)

Oscar Thompson relata que todos os candidatos masculinos aprovados nos exames de admissão à EN serão matriculados, preenchendo as 37 vagas existentes; o mesmo não ocorrerá com as candidatas aprovadas, sendo que 67 delas ficarão sem vaga para os 35 lugares, visto não ser possível o desdobramento dos cursos por falta de espaço na escola.

 Reação dos candidatos excedentes:

 07/12/1913(OESO)

 

Convida-se todas as alunas aprovadas no recente exame de suficiência, a reunirem-se domingo 07, à  uma hora da tarde, na rua São João, 218, a fim de promoverem uma representação ao senhor secretário do Interior, solicitando a matrícula das mesmas em uma das escolas normais da capital.

09/12/13(OESP)

 Carta aberta aos vice-presidente do Estado e ao presidente Altino Arantes, da parte dos muitos pais das candidatas às vagas da ENC

 

“As alunas aprovadas nos exames de suficiência, julgadas com rigor nunca visto, poderão ocupar as carteiras nas salas que ficam desocupadas, devido às cento e tantas que se formaram este ano.

Salas existem; mas querem acabar com o período da manhã, de modo que em vez de progredir, deveremos regredir no governo de vossas senhorias ?!!”

 

Assinam : «  muitos pais das prejudicadas »

A esperança é a última que morre…

23 e 25/12/1913 (OESP)

Uma professora com dez anos de prática de ensino na escola complementar leciona todas as matérias da Escola Normal  e prepara alunos para os exames de admissão, em curso ou em casas particulares. (…)

Esse post foi publicado em Publicações do jornal 0ESP desde 1894 sobre o IE Caetano de Campos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s