Belas Artes em Sorocaba

Blog da Reitoria nº 290, 10 de abril de 2017

Ensinar exige rigorosidade metódica” (Paulo Freire)

Avaliar também” (Paulo Cardim, caetanista da gema)

Estive em Sorocaba, no último dia 30, para um encontro com o prefeito José Crespo. Participaram do encontro Mauricio Augusto Coimbra Campanati, secretário da Habitação e Regularização Fundiária, Roberto Freitas, secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho e Renda, Vidal Dias da Mota Junior, assessor especial, Gustavo Portela Barata, corregedor geral do município, Sidney Ferreira Leite, pró-reitor Acadêmico da Belas Artes e Carmine Avena Junior, diretor Executivo da Belas Artes.

O objetivo desse evento foi o de convidar o prefeito José Crespo e sua equipe para a inauguração, no próximo dia 18, da primeira unidade do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo fora da capital paulista, o que representa um grande passo rumo à nossa constante missão de criar, produzir e difundir conhecimento por meio das artes, da cultura e das ciências humanas e sociais. A unidade de Sorocaba está localizada na Av. Gisele Constantino, 1850, 2º andar, no Complexo Iguatemi Business.

Sorocaba dista 87 km da cidade de São Paulo, com uma população de cerca de 650 mil habitantes. É a quarta maior cidade paulista, sendo considerada uma Região Metropolitana, integrada por 26 municípios, abrigando pouco mais de dois milhões de habitantes. É um importante polo industrial, que exporta para cerca de 120 países, com um PIB acima dos R$ 32 milhões. Sua economia abriga os setores industrial, comercial e de serviços, com mais de 22 mil empresas.

Na unidade de Sorocaba serão ofertados cursos de pós-graduação lato sensu, em nível de especialização, de extensão universitária e cursos livres, todos abertos à comunidade de Sorocaba e região. Esses cursos são resultantes das funções de ensino, iniciação científica e extensão desenvolvidas, pelo nosso Centro Universitário, na capital paulista.

Estão programados, inicialmente, os seguintes cursos de pós-graduação lato sensu: Arquitetura e Sustentabilidade, Cenografia e Figurino, Comunicação e Marketing Digital, Consultoria de Imagem e Estilo e Design Digital e Novas Mídias.

Os cursos de extensão projetados são os de Big Data e a Internet das Coisas, Big Data e as Cidades Inteligentes, Fashion & Lifestyle Trend Forecasting, Gestão em Eventos, Instrumento de Incentivo à produção e difusão cultural – mitos e processos,  Upcycling: criação autoral na moda e Visual Merchandising.

Na categoria de cursos livres incluem-se: Oficina de Webjornalismo – O texto para internet, Marketing Digital – Cenários, tendências e ferramentas, Design de Bolsas, Design de Calçados, Trade Marketing – Introdução e técnicas de venda, Visual Merchandising – arte e técnica, Motion Design com After Effects, Curadoria da Arte Contemporânea, História da arte: ocidente, Moda e arte – conexões possíveis, Fotografia digital – básico, Fotografia e editorial de moda, Oficina de Flash, Evento de Moda: coordenação e execução, Gestão do varejo de moda, Canvas colaborativo – como empresas colaborativas fazem negócios?, Pitch – Faça apresentações rápidas e de impacto e Webshopper – comportamento do consumidor on-line.

Com essa iniciativa, o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo pretende contribuir com o desenvolvimento socioeconômico de Sorocaba e região, estendendo a essas comunidades as suas funções de pós-graduação lato sensu, para formar especialistas nas áreas de sua atuação na graduação, além de cursos de extensão e livres, com acesso para todas as camadas sociais interessadas em seu desenvolvimento pessoal e profissional. Essa iniciativa é singular, pois é a primeira vez que a nossa Belas Artes, com seus 91 anos de funcionamento ininterrupto, exclusivamente no ensino superior de livre iniciativa, faz sua expansão para o interior do Estado de São Paulo.

Veja as fotos do evento

“É mais fácil governar um povo culto, cioso de suas prerrogativas e direitos, que tem nítida a compreensão de seus deveres, que um povo ignaro, indócil, sem iniciativa e inimigo do progresso”.

“O papel da instrução é preparar e formar homens capazes e úteis à sociedade; o papel do governo é fornecer meios fáceis de se adquirir a instrução, disseminando escolas e patrocinando iniciativas boas confiadas à competência e ao amor de quem promove   tão nobilitante tarefa”.

Prof. Carlos Alberto Gomes Cardim

Diretor da Escola Normal Caetano de Campos

Educador e Inspetor de Alunos, 1909

Irmão do fundador do

Centro Universitário Belas Artes de São Paulo

Pedro Augusto Gomes Cardim

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades, Expressão livre: textos dos leitores. Bookmark o link permanente.