Marly Vignoli foi ver o Rei em Buenos Aires

Caetanista do meu tempo, Marly Vignoli talvez não tivesse estado presente no dia em que o “rei” era apenas um pequeno príncipe da corte “Record”, e se apresentou no teatro do IECC.

A sala estava cheia, a emissora radiofônica transmitia toda aquela cantoria que desaguou num “calhambeque” , um sucesso que duraria muitos anos; o show  foi durante uma tarde primaveril e as meninas comportadas que assistiam o cantor gritavam como se fossem de uma periferia qualquer.

Enquanto isso, do outro lado do arco-íris, pelos lados da rua Maria Antônia, muitos estudantes e “tudo mais, iam para o inferno”…

Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s