Jornalistas da minha turma e de outras.

Paris, 19 de setembro de 2010.

Caetanistas jornalistas e escritores:

Ontem escrevi uma pseudo-crônica sobre o hors série inteiramente dedicado ao Brasil do jornal le Monde, e me pus a imaginar que ela poderia ter sido bem melhor escrita por alguns de nós que seguiram a carreira jornalística ou de economista, com artigos e livros publicados nos mais sérios jornais do país e depois traduzidas para outras línguas.

Veio-me à memória, um certo Régis, garoto muito alinhado, que seguia em 65 as aulas do Clássico na Caetano durante a manhã, (ou seria à noite?) e que às vezes aparecia ao meio-dia de terno e gravata, porque trabalhava nos Diários Associados, ali ao lado da escola, na rua 7 de Abril; ele já era jornalista…

Olhando os nomes dos ex formandos do ginasial de 1965, descobri alguns extraordinários que contribuem à sociedade brasileira, escrevendo para os grandes jornais paulistanos, editando livros ou escrevendo romances:

– Jacob Grajew, da FGV;

– Jéthero de Faria Cardoso Jr, jornalista do Estadão;

– José Mário Rodrigues Brito, editor on line;

– Luiz Fernando Zanin Oricchio, jornalista do Estadão;

– Rodolpho Mayer Neto, assessor de imprensa.

Do Normal:

– Sheila Santos G. Colombo, jornalista.

Depois lembrei-me ter lido um livro de memórias do Reali Jr – Ás margens do Sena -que folheando neste momento…revejo o quê nas páginas 54 e 55*?

-Ele e sua turma(anos 50) sentadinhos como nós, na tradicional fotografia no pátio do IECC! Reali está assinalado, assim como seu melhor camarada Itobi Alves Correia Jr..

…Ora, ora , ora, vejam só!

Ficcionista contemporânea, apenas encontrei uma, a Priscila Ferraz, que em 65 estava na quarta série B.

Você conhece outros e outras?

Sério! Não se esqueçam dos nossos predecessores famosos, como Sérgio Buarque de Holanda (e um de seus filhos que é professor na USP, se não me engano), Cecília Meireles, Pagu, Oswald de Andrade, Mário de Andrade, entre outros, que estudaram na Caetano!

Se por acaso você também escreve, sobre o Brasil ou não, se é cronista amador ou profissional, venha enriquecer meu blog: mande seu trabalho ou a sua sinópse e eu publicarei para que todos aproveitem!

Wilma

*Reali Jr – Ás margens do Sena; Prefácio de Gianni Carta; Rio de Janeiro: Ediouro, 2007.

Esse post foi publicado em Atualidades, Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Jornalistas da minha turma e de outras.

  1. Para James AKEL: escrevendo sobre os jornalistas que vêm da nossa escola, descuidei-me e não coloquei o seu nome na lista dos mais jovens; àqueles que ainda não o conheciam , lembro-lhes que escreve para o DCI.
    Wilma

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s