Dona Sylvia Aranha de Oliveira Ribeiro ensinou Filosofia no Instituto de Educação Caetano de Campos.

Aos 08 de julho de 2011 a Câmara Municipal de Itacoatiara(AM) convidou a população da cidade para a sessão especial em homenagem aos 10 anos da Associação Dom Jorge Marskell e entrega de Título de Cidadã Itacoatiarense a Sra. Sylvia Aranha de Oliveira Ribeiro, sessão que foi realizada no dia 12/07  daquele ano.

Mestra diferente, Sylvia Aranha de Oliveira Ribeiro foi uma espinha no calcanhar da diretora Yolanda de Paiva Marcucci, uma das diretoras mais conservadoras do Instituto de Educação Caetano de Campos.

 

Eram os anos sombrios e dona Sylvia foi a luz que entrou nas nossas vidas.

Professora dos Cursos Normal e Clássico, ensinou de modo diferente, enviando as alunas ao Teatro Ruth Escobar para verem de perto “Roda Viva”(Chico Buarque de Holanda, 1967 e estreada em 68) e a lerem “Admirável Mundo Novo”(Aldous Huxley, 1932).

Em classe gostava de botar a turma para pensar e aos sábados de tarde recebia em sua bela casa do Pacaembu- provavelmente uma herança inesperada –  os alunos que quisessem discutir a realidade nacional.

Hoje em dia faz parte de uma associação amazonense em defeza dos excluídos, provando assim a firmeza de suas convicções passadas.

Foi graças ao professor Mansur Luffi, antigo responsável do Laboratório de Química do IECC, que cheguei a conhecer o paradeiro de Dona Sylvia.

Vejam o que ele me escreveu:

Wilma, li o livro que você escreveu sobre sua vida na Caetano. Muito bom. lembrei-me de vários personagens que você descreve. Eu tive uma breve passagem pelo IECC em 1967 sendo professor no laboratório de Química. Quem me emprestou o teu livro foi a Sylvia Aranha Oliveira Ribeiro, professora de Filosofia em tua época, e que inclusive você cita. Ela está muito interessada em entrar em contato com você. Ela vive há mais de 30 anos em Itacoatiara, Amazonas, e lá a internet é precária, caiu toda hora. Ela então me pediu que você desse alguma forma de contato.
(…)
Ela faz 84 anos dia 05/09, mas é de uma vitalidade muito grande, e faz um trabalho social lá.
Abraços
Mansur Lutfi

Se quiserem ler um artigo de 2010 sobre a mestra, cliquem no link abaixo.

Sylvia, professora engajada.

Esse post foi publicado em Escola "Caetano de Campos" : escola paulista. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Dona Sylvia Aranha de Oliveira Ribeiro ensinou Filosofia no Instituto de Educação Caetano de Campos.

  1. Maristela disse:

    Inesquecível D. Sylvia, uma das melhores mestras que tive ao longo de tantos anos de vida! Como estará ela?

    Um abraço apertado, querida Wilma.

    Maristela

  2. Exatamente HOJE, ela completa 84 anos e se encontra em Itacoatiara.
    Vou escrever uma carta manuscrita para ela daqui a pouco.
    Mandarei o seu recado junto; grande beijo, wilma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s